PEGADAS ANUNCIA

domingo, 29 de janeiro de 2012

ALUNA DE 22 ANOS AFIRMA: "NÃO PAGO PEDÁGIO EM LUGAR NENHUM".



Se a informaçao abaixo é veridica ou não, se tem fundamento ou não, ilustra muito bem o que eu penso dos pedágios, por isso achei interessante publicar.
 
"A Inconstitucionalidade dos Pedágios", desenvolvido pela aluna do 9º semestre de Direito da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) Márcia dos Santos Silva choca, impressiona e orienta os interessados.

A jovem de 22 anos apresentou o "Direito fundamental de ir e vir" nas estradas do Brasil. Ela, que mora em Pelotas, conta que, para vir a Rio Grande apresentar seu trabalho no congresso, não pagou pedágio e, na volta, faria o mesmo. Causando surpresa nos participantes, ela fundamentou seus atos durante a apresentação.
Márcia explica que na Constituição Federal de 1988, Título II, dos "Direitos e Garantias Fundamentais", o artigo 5 diz o seguinte:

"Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade " E no inciso XV do artigo: "é livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens".

A jovem acrescenta que "o direito de ir e vir é cláusula pétrea na Constituição Federal, o que significa dizer que não é possível violar esse direito. E ainda que todo o brasileiro tem livre acesso em todo o território nacional O que também quer dizer que o pedágio vai contra a constituição".

Segundo Márcia, as estradas não são vendáveis. E o que acontece é que concessionárias de pedágios realiza contratos com o governo Estadual de investir no melhoramento dessas rodovias e cobram o pedágio para ressarcir os gastos. No entanto, no valor da gasolina é incluído o imposto de Contribuição de Intervenção de Domínio Econômico (Cide), e parte dele é destinado às estradas.

"No momento que abasteço meu carro, estou pagando o pedágio. Não é necessário eu pagar novamente Só quero exercer meu direito, a estrada é um bem público e não é justo eu pagar por um bem que já é meu também", enfatiza.

A estudante explicou maneiras e mostrou um vídeo que ensinava a passar nos pedágio sem precisar pagar. "Ou você pode passar atrás de algum carro que tenha parado. Ou ainda passa direto. A cancela, que barra os carros é de plástico, não quebra, e quando o carro passa por ali ela abre.

Não tem perigo algum e não arranha o carro", conta ela, que diz fazer isso sempre que viaja. Após a apresentação, questionamentos não faltaram. Quem assistia ficava curioso em saber se o ato não estaria infringindo alguma lei, se poderia gerar multa, ou ainda se quem fizesse isso não estaria destruindo o patrimônio alheio. As respostas foram claras. Segundo Márcia, juridicamente não há lei que permita a utilização de pedágios em estradas brasileiras.

Quanto a ser um patrimônio alheio, o fato, explica ela, é que o pedágio e a cancela estão no meio do caminho onde os carros precisam passar e, até então, ela nunca viu cancelas ou pedágios ficarem danificados. Márcia também conta que uma vez foi parada pela Polícia Rodoviária, e um guarda disse que iria acompanhá-la para pagar o pedágio. "Eu perguntei ao policial se ele prestava algum serviço para a concessionária ou ao Estado.

Afinal, um policial rodoviário trabalha para o Estado ou para o governo Federal e deve cuidar da segurança nas estradas. Já a empresa de pedágios, é privada, ou seja, não tem nada a ver uma coisa com a outra", acrescenta.

Ela defende ainda que os preços são iguais para pessoas de baixa renda, que possuem carros menores, e para quem tem um poder aquisitivo maior e automóveis melhores, alegando que muita gente não possui condições para gastar tanto com pedágios. Ela garante também que o Estado está negando um direito da sociedade. "Não há o que defender ou explicar. A constituição é clara quando diz que todos nós temos o direito de ir e vir em todas as estradas do território nacional", conclui. A estudante apresenta o trabalho de conclusão de curso e formou-se em agosto de 2008.

Ela não sabia que área do Direito pretende seguir, mas garante que vai continuar trabalhando e defendendo a causa dos pedágios.

FONTE: JORNAL AGORA

Comentário: E agora, como fica a situação. Quem vai apoiar a advogada?... Ministério Público?... Movimento popular?...
Ela sozinha não vai conseguir convencer o poder constituido.

Vamos ao menos espalhar essa notícia, isso nós podemos fazer para ajudar.

domingo, 22 de janeiro de 2012

DE DOMINGO PRÁ SEGUNDA - VER, JULGAR, AGIR, REVER E CELEBRAR

 Capa da Revista Veja, 25 de janeiro de 2012
Revista Veja, 25 de janeiro de 2012, páginas 72,73
Irresponsabilidade de um capitão que afunda um navio com cerca de 4.300 pessoas e futilidades na TV!!
Diante de tantas notícias escalabrosas e que entristecem e angustiam o nosso ser a gente pensa que o mundo não tem mais jeito e que a solução é seguirmos a correnteza e nos entregarmos também, mas não. Desde a criação do mundo existe Alguém que se preocupa com cada um de nós e este Alguém, que também está dentro de nós e é mais forte do que as coisas e as forças exteriores que nos cercam, fazendo com que, desde que tenhamos uma consciência reta e caráter íntegro e estejamos disponíveis ao trabalho, podemos fazer parte de uma minoria que ainda acredita que o bem ainda é a única maneira de apagar todo o desamor e a imoralidade que impera na humanidade.
 Faz 1978 anos que este Algúem, que se diz ser o CAMINHO, A VERDADE E A VIDA, fundou uma "instituição"(Ano 33. D.C.), se assim podemos chamá-la, constituída de homens de boa vontade para realizar a sua obra de amor e paz e espalhar em nosso meio o seu reino que se contrapõe à quaisquer estruturas que exclui e manipula as consciências menos esclarecidas.
Através de sete sinais sagrados, dioturnamente ministrados, e respeitando a LEI NATURAL DA VIDA, essa "instituição" movimenta o mundo todo utilizando um método bem simples chamado VER, JULGAR, AGIR que se complementa com o REVER e CELEBRAR.
Essa "instituição" aceita as pessoas COMO ELAS SÃO E COMO ELAS ESTÃO, porque acredita que o maior dom existente no mundo, a VIDA, pulsa em suas veias e a partir do momento que não mais pulsar no seu corpo físico temporal, este mesmo dom volta à sua origem, ou seja, ao CRIADOR.
Quando você nasce ela te acompanha, na infância e na adolescência, é uma mãe prá você, quando você cresce, é nela que você se realiza plenamente, quando você envelhece ela não te esquece e quando você morre ela te acolhe...Não é bonito...vamos conhecê-la????
Essa "instituição" pode ser chamada também de FAMÍLIA.
 Veja o vídeo e tire suas próprias conclusões.


SÃO PAULO DEIXA DE FORNECER SACOLAS PLÁSTICAS A PARTIR DE QUARTA FIERA, DIA 25


São Paulo, 22 - Na quarta-feira, pelo menos 80% dos supermercados do Estado de São Paulo deixarão de fornecer sacolas plásticas para seus clientes. Caixas de papelão e sacolas retornáveis são as opções mais comuns oferecidas pelas redes. Quem quiser, também poderá adquirir sacolas biodegradáveis por cerca de R$ 0,20.

A iniciativa de tirar as sacolas dos caixas é fruto de um acordo entre a Associação Paulista dos Supermercados (Apas) e o governo do Estado de São Paulo. Preferiu-se este caminho à adoção de uma lei. 'Optamos pelo diálogo com o setor', afirma o secretário do Meio Ambiente, Bruno Covas. 'O acordo é voluntário por parte das redes.' Ele recorda que algumas cidades, como Jundiaí, chegaram a aprovar legislações para proibir as sacolas, mas foram julgadas inconstitucionais. No caso de Jundiaí, a prefeitura assinou depois um acordo com os supermercados locais e obteve o resultado que não alcançara com a lei.

Para ambientalistas e gestores públicos, a medida tem um importante valor simbólico. Apesar de as sacolas só representarem uma pequena parcela do volume total de lixo descartado, têm o mérito de trazer para o cotidiano das pessoas a preocupação com a sustentabilidade, aponta Fernanda Daltro, gerente de consumo sustentável do Ministério do Meio Ambiente. 'As pessoas aprenderão a separar o lixo seco do úmido, que é o que realmente precisa da sacola plástica para não fazer sujeira.'

Outro lado. 'Essa lei foi aprovada por interesse econômico (dos supermercados) e não ambiental ou social', critica Miguel Bahiense, presidente da Plastivida, entidade que representa institucionalmente o setor dos plásticos. Ele estima em R$ 500 milhões a economia das redes com a restrição. 'Vão repassar essa economia para os clientes? Duvido.'

Ligia Korkes, gerente de Sustentabilidade do Grupo Pão de Açúcar - dono da rede homônima e do Extra -, afirma que o dinheiro obtido com a economia das sacolas plásticas e com a venda das sacolas retornáveis será revertido para ações de sustentabilidade do grupo.

Veja mais: A sacola da vovó...

Fonte: http://estadao.br.msn.com/ultimas-noticias/artigo.aspx?cp-documentid=32127931

sábado, 21 de janeiro de 2012

PEGADAS SAÚDA LIBRA TERMINAIS, DO GRUPO LIBRA


O Grupo Libra é um grupo brasileiro, familiar e diversificado dedicado há mais de 65 anos a investimentos em infraestrutura estratégicos para o desenvolvimento do país. Dividido em três unidades de negócios, o Grupo Libra é composto pela Libra Terminais, Libra Logística e Libra Participações, que são apoiadas pelas áreas corporativas reunidas na Libra Holding. Seu controle acionário pertence à família Borges Torrealba que, em vários de seus empreendimentos, está associada à holding AMC, da família Canoilas - parceira tradicional desde 1968. Com cerca de 2.800 colaboradores, a receita bruta do Grupo cresceu 100% nos últimos cinco anos.
Cada uma de suas unidades apresenta o que há de mais moderno em termos de tecnologia, além de instalações integradas e um grupo de colaboradores capacitado a atender às mais exigentes demandas dos clientes.
A Libra Terminais, por exemplo, é uma das líderes de mercado em operações portuárias de contêineres no país, respondendo por 14% do total de unidades embarcadas e desembarcadas no Brasil. A Libra Terminais reúne as unidades operacionais Libra Terminais Santos, Libra Terminais Rio e é responsável pelo desenvolvimento de um novo terminal em Imbituba (SC).
A Libra Logística é composta por uma rede de operações de carga geral e contêineres voltados para exportação e importação, localizada no Estado de São Paulo: Libra Logística Campinas, Porto Seco com participação da Mitsui por meio da Japão Logística, oferece armazenagem alfandegada de mercadorias procedentes ou destinadas ao exterior; Libra Logística Cubatão, especializada em produtos alimentícios para exportação, particularmente, cargas frigorificadas; Libra Logística Valongo, em Santos, dispõe de infraestrutura multimodal e atende a todos os tipos de cargas, incluindo produtos químicos e cargas de projeto; e a Libra Logística Intermodal, que oferece gestão e operação de transportes multimodais, capaz de apoiar as operações portuárias e de logística interna, integrando todas as operações.
A Libra Participações engloba várias empresas sob controle do Grupo Libra ou em associação com parceiros. As principais são a Companhia de Navegação da Amazônia (CNA), líder em transporte fluvial de granéis na região; a Olivares de Quepu, pioneira na produção do azeite de oliva extavirgem, no Chile; e a Companhia Providência, líder na América Latina na produção de não-tecidos, matéria-prima para produção de fraldas e material hospitalar descartável, como máscaras e aventais.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

UMA IMAGEM DO IRAQUE

 Esta é uma história de guerra, porém toca-nos o coração...
A esposa do sargento-enfermeiro John Gebhardt, diz que toda a família desta criança foi executada. Os assassinos pretendiam também executá-la , a atingiram na cabeça...mas não conseguiram matá-la.
Ela foi tratada no Hospital de John, está se recuperando, mas ainda chora e geme muito. As enfermeiras dizem que John é o único que consegue acalmá-la. Assim, John passou as últimas 4 noites segurando-a ao colo na cadeira, enquanto os 2 dormiam. A menina tem se recuperado lentamente.
Eles tornaram-se verdadeiras "estrelas" da guerra.
John representa o que todo o mundo gostaria de fazer.
Isto, meus amigos, vale a pena partilhar com o mundo inteiro.
Vocês nunca vêem notícias destas na TV ou nos jornais, em geral.
Se achar legal, como eu achei, divulgue.
Acredito que todos precisamos ver que (também) existem estas realidades ... que pessoas como John fazem a diferença.
 Não podemos orientar o vento, mas podemos ajustar a nossa vela...

Recebido via e-mail.

PEQUENAS ATITUDES FAZEM A DIFERENÇA!

Por mais que o trabalho pareça seguro, há atitudes do cotidiano, algumas aparentemente inofensivas, que podem não ser bem vistas pelas empresas. Em um cenário em que ocorrem transformações no mercado com a globalização, as pressões por resultados são cada vez maiores. Por isso é muito importante ficar atento a alguns hábitos, que aparentemente são simples, mas que podem comprometer a carreira.
Segundo a consultora de recursos humanos, Ilana Lissker, a palavra-chave da atualidade é o equilíbrio. “É necessário saber equilibrar as pressões do dia a dia, pois, atualmente, todo mundo trabalha com muita pressão e quem mostra que não sabe lidar com ela, com certeza perde alguns pontos”, explica.  
A necessidade do equilíbrio e bom senso entram, também, na questão dos gastos nos processos da empresa. “Hoje, todas as áreas de uma empresa têm de saber dosar seus orçamentos e não extrapolar”, ressalva a consultora. Um funcionário que não tem cuidado ao utilizar a verba da empresa tem todas as probabilidades de, em algum momento, ter seu emprego em risco.
O relacionamento interpessoal também conta, quando a questão é ambiente de trabalho. É fato que para ter um clima bom no escritório, é preciso que as pessoas se deem bem. Mas, vale lembrar que a vida pessoal não pode ser inteiramente levada para o ambiente de trabalho. “As empresas prezam pela qualidade de vida dos funcionários e, cada vez mais, entendem que eles têm de cuidar dela. Mas, quando isso entra muito forte no dia a dia, pode ser um problema”, diz Ilana.
Um valor essencial, segundo a especialista, é a transparência. Atualmente, quando a informação corre livremente, um funcionário que saiba dividir as notícias com a equipe, sejam elas boas ou ruins, e encontrar sempre as melhores soluções é peça-chave no quadro de qualquer companhia.
Dicas para manter o emprego
- Bom comportamento: alguns momentos no trabalho, que são mais formais, as empresas precisam que as pessoas saibam se portar. Ao mesmo tempo, alguns clientes estabelecem relações mais próximas. A versatilidade é uma característica fundamental para quem quer manter o emprego seguro.
- Viva as diferenças: funcionário preconceituoso não tem vez. As empresas investem em diversidade. Abrir a mente é uma dica de ouro.
- Ir além: ficar seguro e acomodado nas funções diárias dá a impressão que a pessoa não quer crescer e, claro, fazer a companhia crescer também. Ambição é vital.
- Decisão: um funcionário desejado pelos empregadores tem a segurança para dar a palavra final em situações que estejam dentro de sua alçada.
Fonte: CRC SP ONLINE

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

PEGADAS MAIS VISUALIZADAS DESDE O INÍCIO DO BLOG

 João Carlos de Melo, desenvolvedor do blog e da rádio "Pegadas"

Veja abaixo as matérias mas acessadas desde a fundação deste blog. 
A campeã, como não poderia deixar de ser, é a Marcelinha, que não está no meio de nós, mas pelo pouco tempo de vida, mandou uma mensagem com propriedade para todos aqueles que tendo a missão de prevervar a vida desde a sua concepção, a querem destruí-la ainda no ventre materno.
Que bom que é esta matéria que alavanca os acessos deste blog, materializando uma de suas missões que é lutar em favor da vida e da família.
Obrigado a todos os leitores e pedimos que sempre que puderem façam comentários.
Este ano ainda estamos tateando mas prometendo logo logo incrementá-lo ainda mais.
Mais sugestões poderão ser encaminhadas ao e-mail jxmelo@ig.com.br

NOTA DEZ, BEBÊ ANENCÉFALA, MARCELA DE JESUS FERREIRA
25/06/2011 - 3.357 Visualizações de página
   
NOTA ZERO, ...CAROLINE MIRANDA
19/05/2011 - 1.979 Visualizações de página
   
FOTO DE MOMENTO RARO DE PAULA FERNANDES
04/07/2011 - 1.362 Visualizações de página
   
EXAME DE PRÓSTATA É PRÁ CABRA MACHO!!!
05/04/2011 - 1.266 Visualizações de página
   
QUAL A DIFERENÇA ENTRE INSUMO E MATÉRIA PRIMA?
24/05/2011 - 390 Visualizações de página
   
PALAVRA DE JUPIRA - Quinta feira - 28/04/2011
27/04/2011 - 300 Visualizações de página
   
BANDA PHOLHAS - AGENDA DE APRESENTAÇÃO 2011
01/07/2011 - 276 Visualizações de página
   
ALGUÉM TEM MEDO DE PEDIR NOTA FISCAL PAULISTA?
16/06/2011 - 248 Visualizações de página
   
DE DOMINGO PRÁ SEGUNDA - CAMPANHA "ÁLCOOL PARA MENORES DE 18 ANOS"
30/10/2011 - 212 Visualizações de página
   
3º DIA - O QUE JOHN LENNON VIU EM YOKO ONO?
05/10/2011 - 144 Visualizações de página  

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

UMA MÚSICA E SUA HISTÓRIA - OTTO NILSEN, UM PEDAÇO DE MIM

Pesquisando para escrever sobre a música "Just Imagine", de Glen Michael, que na década de 70 foi tema do telejornal HOJE, da Rede Globo, descobrimos uma pessoa maravilhosa e talentosa.

A partir daí, sem medo algum, temos divulgado para todos os nossos contatos virtuais e amigos carnais o nome deste cantor e compositor, que tanto na interpretação de música nacional ou internacional mexe com toda a nossa sensibilidade, fazendo com que as canções fiquem até mais bonitas, enriquecidas com seu timbre de voz.

Realmente é um artista nato e sua bagagem e tragetória musical mostram isso.

Natural de Sorocaba-SP, Otto Nilsen atualmente reside na cidade de São Paulo e está lançando seu CD "Um pedaço de mim", e é claro, já solicitei o meu, muito embora as músicas já estão todinhas no seu site, mas respeitando os direitos autorais do cantor, esperamos receber em breve em nossas mãos o riquíssimo material que muito vai nos enlevar. 
Otto Nilsen, interpretando "Um pedaço de mim", em homenagem ao seu pai.
Esta musica venceu o Primeiro Festival de musica Raiz da Faculdade Cantareira em SP. ficando em Primeiro lugar na categoria sólo. ( Foi uma grande vitória ). 
"Espero despertar nas pessoas a importancia de ser um bom Pai e passar um bom exemplo de vida para seus filhos". Otto Nilsen. 

Simpatia em pessoa

Conversei com o Otto via e-mail e rapidamente via msn. Apesar de fazer pouco que a gente se conhece, já o tenho como um grande amigo e o rapaz é dono de uma tremenda simpatia. Respondeu todos os meus e-mails, e ainda vai me ajudar a entrevistar a cantora da música "Mississipi" e outros artistas internacionais que conhece, pois viveu muito tempo nos Estados Unidos. Realmente virei um grande fã dele, principalmente por tratar-se de uma pessoa que valoriza a família. Assisti uma entrevista que deu para um programa de TV, onde fala que em todas as dimensões da vida a gente deve mostrar e exercitar a honestidade, e no fim, falou muito de seus pais e principalmente de sua esposa. Então achei muito legal isso. É um artista que não se vende. Realiza o seu trabalho com muita dificuldade, mas gosta do que faz.  No sábado, tive que trabalhar o dia todo, mas o peso da labuta foi dissipado pois entrei no seu site www.ottonilsen.com e ouvi todas as suas músicas. Assim o dia passou rapidamente e o serviço rendeu. O que não faz uma boa música, não é verdade?
Otto Nilsen interpretando "Guitar Man", de Bread.

Breve histórico de sua carreira

O gosto pela musica começou quando ele ainda tinha apenas 3 anos de idade. Passou a infância como toda criança, porém aos 14 / 15 anos, começou aprender tocar violão e a tocar e cantar em casa e em roda de amigos.
Não demorou até escrever suas primeiras canções. Aos 16 anos de idade já tocava contra baixo e cantava, montou então seu primeiro conjunto, e aos 17 anos entrou para um dos maiores conjuntos de baile da época, o conjunto SANTA BARBARA.

Começava ai a sua carreira musical. Desde então nunca mais abandonou a musica e o seu sonho de se tornar cantor e compositor. Sabendo da importância em ser um bom músico para atingir seus objetivos, dedicou-se a melhor escola de musica em sua opinião, "Os bailes da vida"

Viajou por inúmeras cidades do interior dos estados de; São Paulo, Paraná, Minas Gerais e até Santa Catarina, sem falar em todos os grandes clubes das cidades de: São Paulo, Santo André, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo e demais municípios da grande São Paulo.
Chegou até este momento com muita experiência musical, nacional e internacional, pois foi integrante da banda "Nevada The Band" em Nashville, Estados Unidos com a qual tiveram CD lançado no Brasil por um grande nome da musica Brasileira, "Eduardo Araújo", assim toda essa experiência estara sendo de vital importância para se dedicar a sua carreira solo e a realização de seu maior sonho, ser reconhecido em todo Brasil.

Antes de lançar seu primeiro CD em carreira solo, Otto Nilsen apresentava-se ao vivo no grande show de rádio de Valdecir Mathioli na rádio ABC de Sto. André, 1570 AM, todas as madrugadas de sábado para domingo de 00:30 até 01:00h. O programa era transmitido para várias cidades do estado de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e para todo litoral paulista em link com a rádio Atlântica de Santos, além da transmissão ao vivo pela internete, recebendo e-mail e até telefonemas de ouvintes dos Estados Unidos, Inglaterra e Japão.

Otto Nilsen, interpretando "Lay Lady Lay", de Bob Dylan



Contatos para Shows:
ottonilsen@ottonilsen.com 
 Fone: (11) 2946-8083

DEPUTADO SALVADOR ZIMBALDI É 100% DE PRESENÇA NAS SESSÕES DA CÂMARA TAMBÉM EM 2011

Em mais um ano de mandato, o compromisso com o eleitor continua a ser uma marca do deputado federal Salvador Zimbaldi (PDT-SP), um dos 13 congressistas com 100% de presença nas sessões plenárias da Câmara durante o ano de 2011.

O balanço divulgado pelos órgãos da Câmara dos Deputados, realizado com base em dados de presença em plenário, no período, mostra que do total de 513 parlamentares apenas 13 compareceram às 107 sessões deliberativas do Congresso, ou seja, àquelas destinadas à votação de propostas; essas sessões acontecem três dias por semana (terça, quarta e quinta-feira).

O resultado da avaliação confirma que o número dos deputados assíduos na Câmara no período não chegou nem a 3% do total de parlamentares no exercício do mandato.

 Exemplar - Em seu quarto mandato, o pedetista da bancada paulista Salvador Zimbaldi, mais conhecido como político pró-vida, permanece como um exemplo entre os primeiros da destacada lista de classificação dos congressistas presentes em todas as votações da casa do Poder Legislativo.

Para o deputado, essa disciplina não é nenhum mérito mas uma obrigação. “A participação nas sessões da Câmara é um compromisso fundamental do deputado com o eleitor e respeito à população porque nelas se decide e vota assuntos de interesse nacional e do bem comum, por isso são tão importantes”, reafirma o pedetista que concilia os compromissos do mandato com as atividades de suas áreas de atuação, sendo a principal delas os projetos da Igreja Católica, atendendo eleitores de todo o Estado de São Paulo.

 Além de exemplo na Câmara, Zimbaldi conclui mais um ano de mandato como um modelo de participação em votações plenárias entre os 70 deputados federais que atualmente representam o Estado paulista no Congresso.

 Legislatura

O Poder Legislativo desempenha três funções primordiais para a consolidação da democracia: representar o povo brasileiro, legislar sobre os assuntos de interesse nacional e fiscalizar a aplicação dos recursos públicos.

A DIFÍCIL ARTE DE SE RELACIONAR

 Cada dia vem se tornando mais difícil relacionarmo-nos com as pessoas, principalmente as próximas, aquelas que se sentem no direito, e também na obrigação, de darem seus palpites em relação à nossa vida. Ouvir, às vezes, já é suficientemente duro. Colocar em prática tais conselhos, humanamente impossível em muitas circunstâncias, pois as pessoas são diferentes, e o que é bom para mim pode não ser para você. Mesmo assim, falta respeito pelo posicionamento do outro, falta aceitação. Algumas pessoas vivem querendo impor seu ponto de vista e, sinceramente não se importam se magoam alguém. Isso ocorre muito entre pais e filhos, cônjuges, namorados, amigos íntimos...

Um julga estar sempre certo e tenta impor seu modo de pensar e estilo de vida ao outro, por vezes, diminuindo-o, humilhando-o, como se somente a sua forma de pensar fosse correta. Em contrapartida, há os que resistem ao diálogo e assistem comodamente o desenrolar dos acontecimentos escondidos sob seu silêncio indiferente. Importa apenas o seu mundo interior, seus próprios pensamentos e seu conforto emocional.

Ambos os lados da mesma moeda refletem formas de relacionar-se erroneamente. De um lado aquele que somente quer impor, de outro lado aquele que, em seu silêncio indiferente, manipula a situação relacional como bem entende. As pessoas passam a ser joguetes e seus sentimentos são pisoteados como se não existissem. Quem atravessa a situação de existir e não ser notado sabe bem do que estou falando, assim como aqueles que não têm um minuto sequer de sossego, porque seu capataz volta e meia vem verificar se tudo está como ele queria.

É gente, relacionamento humano não é fácil. Relacionar-se é uma arte e devemos aprender a ceder na medida certa. Se abaixamos demais mostramos os fundilhos. Se teimamos em não abrir mão dos nossos posicionamentos precipitamos a derrocada, pois ninguém cede eternamente.

O que precisamos saber é que cansa muito ser ignorado ou monitorado constantemente. Ambas as situações vão, pouco a pouco, acabando com qualquer sentimento gostoso que a gente queira alimentar. Um casamento, uma amizade, um namoro, uma família bem estruturada não podem ser conseguidos somente com a boa intenção de uma pessoa. Já diz o ditado:
“Uma andorinha não faz verão”. O próprio Jesus falou: “Onde dois ou três estão reunidos em meu nome, aí estou no meio deles” (Mt 18, 20). Ora, deu pra entender? Um só não segura casamento, namoro, amizade, família...

Chega uma hora que cansa.

Recebi um texto muito interessante de uma amiga esses dias. A pessoa segurava um copo com água e perguntava à platéia se isso era algo difícil.
 
Aparentemente, a resposta é simples, pois é bem fácil segurar um copo d’água.  Mas, exatamente aí, a pessoa completa: depende do tempo que o tivermos de segurar. Nossas situações relacionais esbarram na mesma explicação. Se tivermos de “segurar as pontas” de uma relação por alguns dias, meses, anos talvez... 

Mas, à medida que esse tempo vai se acumulando nossas mãos vão enfraquecendo, e o que era apenas um copo d’água assume a proporção de um iceberg.  Vamos pedir a Deus que isso sinceramente não aconteça conosco.

Maria Regina Canhos Vicentin é escritora.
e-mail: contato@mariaregina.com.br
Acesse e divulgue o site da autora: www.mariaregina.com.br.

domingo, 15 de janeiro de 2012

O FACEBOOK ME CASTIGOU DE NOVO...MAS VAI CHEGAR A MINHA VEZ...EU NÃO TENHO PRESSA...


Solicitações de amizade bloqueadas por 14 dias
Notamos que você enviou várias soliticações de amizade a pessoas que não conhece. Portanto, você não poderá enviar solicitações de amizade por 14 dias.

Olha quem quer dar conselhos. Clique aqui e saiba como as redes manipulam as pessoas...
Para evitar que isso aconteça novamente, somente envie solicitações de amizade a pessoas que você conheça. ===> NÃO CONCORDO...

Compreendo que o envio de solicitações de amizade a pessoas que não conheço não é permitido no Facebook.===> NÃO CONCORDO...

Eu já disse que quando eu envio uma solicitação de amizade, mesmo para pessoa que eu não conheço, quem corre todo o risco sou eu, a convidada nenhum, porque poderá analisar o meu perfil que está todo aberto na rede social!
Mas infelizmente, isto é um exemplo de como o sistema faz as pessoas trabalharem para ele, então, se o facebook nos castiga, é porque alguém, como nós mesmos, possivelmente manipulado, faz a delação, alguém que tem medo de bandidos, de ladrões, mas que na realidade tem medo dela mesmo e não deveria sair nem na rua, pois se tem medo das pessoas no meio virtual, quanto mais das pessoas de carne e osso. Deveríamos ter medo é de quem rouba o nosso tempo e a nossa dignidade, e isso é praxe das redes sociais.
Para saber como funciona isso, é só assistir A trilogia MATRIX.


Padrões da comunidade do Facebook
O Facebook é uma comunidade global na qual milhões de pessoas estão conectadas umas às outras. Cada uma dessas pessoas representa opiniões, ideais e valores culturais únicos. Desconsiderando esta diversidade, trabalhamos para criar um ambiente no qual todos podem discutir questões e expressar opiniões livremente, enquanto respeitam os direitos dos outros.
Quando milhões de pessoas se reúnem para compartilhar conteúdos que são importantes para elas, algumas vezes estas discussões e publicações incluem conteúdos e assuntos controversos. Acreditamos que o diálogo on-line reflete a troca de ideias e opiniões que acontecem nas vidas das pessoas fora do site, em conversas em casa, no trabalho, em cafés e em salas de aula.
Como uma comunidade confiável de amigos, familiares, colegas de trabalho e de escola, o Facebook é extremamente autorregulável. Pessoas que usam o Facebook podem denunciar conteúdos que acreditam ser questionáveis ou ofensivos. Para balancear as necessidades e os interesses de uma comunidade global, pedimos que todos respeitem os seguintes padrões de conteúdo:

    Ameaças
    Queremos que nossos membros se sintam seguros no site. Quaisquer ameaças convincentes que prejudiquem alguém serão removidas. Também podemos remover o suporte a organizações violentas.
    Promoção de autoflagelação
    O Facebook não é um lugar para comportamento autodestrutivo. Não permitimos a promoção de suicídio, apologia a distúrbios alimentares, a pessoas se cortam ou uso de drogas ilegais. Levamos a sério ameaças de suicídio e entraremos em contato com as autoridades relevantes ao saber de tais ameaças.
    Bullying e assédio
    Como uma comunidade, nossos valores são rígidos com relação ao respeito aos outros, e levamos as denúncias de assédio muito a sério. Tomamos atitudes quando indivíduos são assediados ou contatados de maneira persistente contra sua vontade. Embora achemos que é necessário fazer novas conexões, tenha em mente que o contato de estranhos ou pessoas que você nunca conheceu pessoalmente pode ser uma forma de assédio.
    Discurso de ódio
    O Facebook não tolera discursos de ódio. Respeite as pessoas ao comunicar-se com elas. Embora encorajemos a discussão de ideias, instituições, eventos e práticas, é uma violação grave de nossos termos destacar indivíduos com base em raça, etnia, nacionalidade, religião, gênero, orientação sexual, deficiência ou doença.
    Violência gráfica
    Embora sejamos uma plataforma para compartilhar eventos que acontecem em sua vida e ao redor do mundo, qualquer conteúdo gráfico inadequado será removido se for descoberto no site. Exibições cruéis de violência contra pessoas ou animais ou descrições de assédio sexual são proibidas.
    Sexo e nudez
    Temos uma política restrita de "sem nudez ou pornografia". Qualquer conteúdo que for sexualmente inadequado será removido. Antes de publicar qualquer conteúdo questionável, esteja ciente das consequências para você e o ambiente.
    Roubo, vandalismo ou fraude
    Estamos tentando fazer do mundo um lugar mais aberto, conectado e melhor. Organizar atos que prejudicam outras pessoas, como roubo, vandalismo ou fraude é uma violação de nossos termos.
    Identidade e privacidade
    O Facebook é uma comunidade onde pessoas reais se conectam e compartilham conteúdos usando suas verdadeiras identidades. Quando você representa a si mesmo com precisão no Facebook, ajuda a construir um ambiente seguro e confiável para todos. Dizer que é outra pessoa, criar diversas contas ou representar uma organização de maneira falsa reduz a confiança e viola nossos termos. Pare também de publicar informações pessoais de outros.
    Propriedade intelectual
    Antes de compartilhar conteúdo no Facebook, certifique-se de ter direitos para fazê-lo. Pedimos que você respeite direitos autorais, marcas comerciais e outros direitos legais.
    Phishing e spam
    Levamos a segurança de nossos membros muito a sério e trabalhamos para impedir tentativas de comprometer sua privacidade ou segurança. Também pedimos que você respeite nossos membros não entrando em contato com eles para fins comerciais sem seu consentimento.

Denunciando abuso
Se você visualizar algo no Facebook que acredita que viole nossos termos, denuncie o fato para nós. Tenha em mente que denunciar uma pessoa, organização ou parte de conteúdo não garante a remoção do site.
Devido à diversidade de nossa comunidade, é possível que algo seja considerado desagradável ou perturbador para você sem que se encaixe em algum critério para ser removido ou bloqueado. Por esse motivo, também oferecemos controles pessoais sobre o que você vê, como a capacidade de ocultar ou silenciosamente cortas relações com algumas pessoas, páginas ou aplicativos que lhe ofendem.
Conteúdos que violem nossos termos podem ser removidos do site e, em alguns casos, estão sujeitos à ação jurídica ou de outro tipo.
Facebook © 2012 · Português (Brasil)

DE DOMINGO PRÁ SEGUNDA - AVALIAÇÃO E ACONSELHAMENTO - CRIANÇAS, ADOLESCENTES E ADULTOS

* Ansiedade?
* Depressão?
* Pânico?
* Desajustamento Conjugal?
* Problemas de Comportamento?
* Angústia?
* Drogas?
* Estresse?    
 
NÃO DEIXE A VACA IR PARA O BREJO!!!

Quando procurar um psicólogo?
As pessoas tendem a procurar ajuda em momentos em que são afetadas por aspectos emocionais, comportamentais ou interpessoais perturbadores, assim, certas situações favorecem a busca de auxílio psicológico. Exemplos: surgimento da angústia, ansiedade, depressão, estresse, pânico, perda de emprego ou algum ente querido, desentendimento ou separação conjugal, confusão quanto à escolha profissional, dependência de álcool e drogas, problemas de comportamento. Essas e outras situações podem ser superadas através da orientação e do acompanhamento psicológico.

Porque procurar um psicólogo?
O processo terapêutico com psicólogo passa, em termos gerais, pela promoção do autoconhecimento da pessoa e do aumento da autoestima, favorecendo posturas mais adequadas diante dos revezes da vida e desafios cotidianos, capacitando a pessoa no emprego de novas atitudes para alcançar um melhor resultado e o equilíbrio interior imprescindível para a saúde e o bem estar.

Rua: São Luiz, 619
Jd. São Francisco
CEP. 17209-200
Jaú - SP
Fone: (14) 3621-3095
E-mail: contato@mariaregina.com.br

RÁDIO PEGADAS, MAIS MÚSICAS. DESTACANDO OTTO NILSEN E BANDA NEVADA

 

Otto Nilsen
 Contatos para Shows:
ottonilsen@ottonilsen.com
(011) 2946-8083
                                                              
Músicas adicionadas em 14-01-2012
JUST IMAGINE - Glen Michael                
WORDS - Otto Nilsen            
NO MORE TROUBLES - Otto Nilsen                
SIDE BY SIDE - Nevada      
RAIN - Nevada        
IT RUNS IN THE FAMILY - Nevada         
SEA OF SMILING FACES - Bee Gees
CORAÇAO ALADO - Fagner    
PEDAÇO DE MEU CAMINHO - Reginaldo Rossi               
O MILIONÁRIO - Os Incríveis        
FOI TUDO CULPA DO AMOR - Diana        
JAPAN CANCION - Desconhecido                
TAKE ME HOME - Otto Nilsen        

Clique aqui e saiba mais sobre a Rádio Pegadas

sábado, 14 de janeiro de 2012

TEMPERAMENTOS!!! UMA RIQUEZA DESCONHECIDA POR TANTOS!!!

RELACIONAMENTO CONJUGAL
Temperamentos
Costuma-se dizer que quando se está namorando ou na fase do noivado, o casal depara apenas com as virtudes  de cada um, mas após o casamento, cada cônjuge começa a ver apenas os defeitos do outro.
Virtudes e defeitos são inerentes a cada tipo de temperamento, e devem ser estudados para que conheçamos um pouco de quem vai conviver conosco pelo resto da vida.
Os temperamentos se dividem em dois grupos: EXTROVERTIDOS e INTROVERTIDOS, que por sua vez se desmembram da seguinte forma:
EXTROVERTIDOS:
Colérico: temperamento bravo
Sanguíneo: temperamento alegre
INTROVERTIDOS:
Fleumático: Temperamento calmo
Melancólico: Temperamento triste
Todos nós possuímos um pouco de cada temperamento que se manifestam devidos a determinadas circunstâncias, mas um se predomina mais em nós. Vejamos abaixo os temperamentos e respectivas qualidades e defeitos:
COLÉRICO: Produtores, Construtores e Líderes
Qualidades: Enérgico, corajoso, independente, otimista, prático, eficiente, decidido, líder e audacioso.
Defeitos: Raivoso, zombador insultante, impaciente, prepotente, intolerante, vaidoso, auto-suficiente, insensível e astucioso.
SANGUÍNEO: Atores, Vendedores e Oradores
Qualidades: Comunicativo, destacado, entusiasta, afável, simpático, bom companheiro, compreensivo e crédulo.
Defeitos: Covarde, inconstante , age sem razão, indisciplinado, inseguro, egocêntrico, exagerado e medroso.
MELANCÓLICO: Artistas, Músicos, Inventores, Filósofos e Mestres
Qualidades: Habilidoso, minucioso, sensível, perfeccionista, apreciador em potencial da arte, idealista, leal e dedicado.
Defeitos: Egoísta, amuado, pessimista, teórico, confuso, anti-social, crítico, vingativo e inflexível.
FLEUMÁTICO: Diplomatas, Administradores, Professores e Técnicos
Qualidades: Calmo, tranquilo, cumpridor, eficiente, conservador, prático, líder, diplomata e bem humorado.
Defeitos: Calculista, temeroso, indeciso, contemplativo, desconfiado, pretensioso, introvertido e desmotivado.
Existe uma relação entre todos os temperamentos que podemos resumí-la assim: O MELANCÓLICO tem a idéia de uma cadeira, o COLÉRICO faz, o SANGUÍNEO vende e o FLEUMÁTICO usa.
Seja um profissional da hora! Entre em contato!
 
 
 

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

QUARTA DA CARTA E CARTA DA QUARTA - ASSINEM A PETIÇÃO URGENTE

 Caros amigos,

Um novo relatório da Avaaz revela que o regime assassino da Síria está torturando manifestantes pacíficos, removendo suas unhas dos pés e das mãos e lhes eletrocutando. Podemos pressionar a ONU para que levem o ditador sírio Bashar al-Assad à Corte Penal Internacional por crimes contra a humanidade. Vamos criar um chamado massivo global:

É difícil relatar isso, mas até mesmo membros da Avaaz estão sendo torturados pelo regime monstruoso da Síria. Manhal* nos contou que foi detido em uma prisão secreta, onde removeram suas unhas dos pés e das mãos e eletrocutaram partes de seu corpo. "Eu vi a morte e fui torturado até quase morrer," ele nos contou. Mas se agirmos agora, podemos fazer do sacrifício de Manhal a última gota para o mundo se virar contra o regime de Assad.

Os observadores da Liga Árabe falharam em impedir a repressão brutal, mas a pressão sobre Assad está aumentando. A Avaaz recentemente publicou um relatório terrível revelando a escala das unidades de detenção da Síria, incluindo o que fizeram com Manhal. Se criarmos uma pressão global massiva agora, podemos forçar governos-chave a confrontarem os horrores citados nesse relatório e acelerarem o fim de Assad.

Assine a petição agora e quando chegarmos a 500.000 assinaturas, entregaremos-na junto com o relatório da Avaaz para a Liga Árabe e para o Conselho de Segurança das Nações Unidas, exigindo que eles levem Assad até à Corte Penal Internacional para ser julgado por crimes contra a humanidade:

http://www.avaaz.org/po/arrest_syrias_torturers/?vl

A ONU já afirmou que houve crimes contra a humanidade na Síria. Agora o regime está lidando com mais uma onda crítica -- um pungente relatório compilado por corajosos ativistas sírios da Avaaz que delimita a relação final sobre esses crimes contra a humanidade terem sido cometidos por altos membros do regime de Assad. Nenhum outro relatório tem informações de alto nível que relaciona a tortura do regime nessa medida -- essa pode ser nossa melhor chance de fazer o mundo agir.

Todos nós tínhamos esperança de que a missão de monitoramento da Liga Árabe fosse impedir a violência, mas a missão foi comprometida e desacreditada. Apesar de testemunharem por conta própria os atiradores de Assad, os monitores apenas estenderam seu período de observação sem um pedido de ação urgente. Isso permite que países como Rússia, China e Índia impeçam as Nações Unidas de se mobilizarem. enquanto isso, a defesa patética usada pelo regime para seus atos desprezíveis tem sido a de que o regime tem lutado contra uma insurgência terrorista, não um movimento pacífico por democracia. Mas relatórios como o da Avaaz expõem a mentira desse regime corrupto e cruel. Agora precisamos que o mundo seja testemunha dos horrores do regime.

O tempo pode se esgotar para Assad se criarmos uma onda ensurdecedora de pressão pública para promover a mudança. Vamos unir o mundo para exigir que o Conselho de Segurança da ONU leve o regime brutal sírio à Corte Penal Internacional e julguem-no por crimes contra humanidade. Assine agora e divulgue para todos:

CLIQUE AQUI E ASSINE A PETIÇÃO

Por todo o mundo árabe, o poder popular tem derrubado ditadores e nossa incrível comunidade da Avaaz esteve no coração dessas batalhas pela democracia, furando o bloqueio da mídia imposto pelos líderes corruptos, empoderando jornalistas cidadãos, provendo ajuda emergencial vital para comunidades sob cerco, e ajudando a proteger centenas de ativistas e suas famílias dos bandidos do regime. Não vamos permitir que o sofrimento pela liberdade do Manhal seja em vão. Vamos exigir que a ONU se mobilize imediatamente.

Com esperança e determinação,

Luis, Ian, Maria Paz, Ricken, Emma, Wissam, Heather e toda a equipe da Avaaz

* - “Manhal” é um pseudônimo para proteger a identidade do ativista.

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

UMA MÚSICA E SUA HISTÓRIA - JUST IMAGINE, GLENN MICHAEL

 Sempre quando assisto um filme, um jornal ou programa de TV, fico de olho nos temas e nas trilhas utilizadas. Existem diretores que tem uma sensibilidade profunda para música e de vez em quando fico achando que o cara sabia que eu ia ser o alvo de seu trabalho, e aí, é amor à primeira "escuta".
Na década de 70, assim que terminava o Jornal Hoje, da Rede Globo, que estreou em 21 de abril de 1971, e continua até hoje no ar, tocava uma música muito bonita. Na época não tínhamos muito acesso aos materiais não. Ficávamos dependendo do dono da discoteca pedir o vinil ou  fita cassete com a música, se porventura achasse. Então, o remédio era ouvir o rádio e ficar torcendo para alguém pedir durante a programação.
Achava esquisito porque uma música, diga-se de passagem, bem romântica, era cama para a rolagem dos créditos de um programa de jornalismo. Mas tudo bem, tudo tem um porquê. 
De qualquer maneira hoje tenho alguma bagagem para falar da música de Glenn Michael, cantor brasileiro com pseudônimo estrangeiro.Teve duas composições como tema do telejornal, Spring 1975 e Just Imagine final de 1976 e 1977. Estamos falando de "Just Imagine".
Pesquisando na internet descobri um amigo, Otto Nilsen, que esteve com Glenn Michael. Estou entrando em contato com ele via facebook e via e-mail para solicitar informações deste cantor. Pelas informações mora em São Paulo, no bairro da Mooca.
Alguns dados interessantes que após escrever a matéria, o Otto Nilsen me passou.
Primeiro que o Glen Michael é chamado carinhosamente por "Mané". Deve se chamar Manoel é claro. E quanto colocarem suas músicas no encerramento do telejornal Hoje, é porque a Globo utilizada múscas de cantores internacionais e aí começou a ter problemas com direitos autorais, e uma alternativa foi lançar mão de artistas nacionais mesmo, e então as músicas do "Mané foram escolhidadas". Agora imagine, uma música na Globo é sucesso garantido.
Em breve voltaremos com mais informações.

JUST IMAGINE
Apenas imagine 

ALL THE TIME I SEE YOUR FACE BEFORE MY EYES
Toda vez que eu vejo seu rosto na frente de meus olhos

I KNEW I CAN'T OPEN YOUR HEART
Eu sabia que não poderia abrir seu coração

BUT I CAN DREAM, CAN'T I?
Mas eu posso sonhar, não posso?

I DON'T KNOW IF YOUR DREAMS GO BY AND BLIND
Eu não sei se seus sonhos passam apenas

'CAUSE I DIDN'T KNOW TOMORROW
Porque eu não conhecia o futuro

I NEED A LIFETIME TO SHOW ALL THE LOVE I HAVE
Eu preciso de uma vida inteira para te mostrar todo amor que tenho

LIVING ALONE, I TRIED TO MAKE LOVE THROUGH THE WAY
Vivendo sózinho, eu tentei fazer amor pelo caminho

TO YOU, AND BE HAPPY FOR EVER MORE
Para você, e ser feliz para sempre

I TRIED !
Eu tentei !

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

EU, INTERNET - OS ROBÔS QUE DECIDEM POR NÓS NO GOOGLE E NO FACEBOOK

(*) Por Giuseppe Mosello
Quem viu o filme Eu Robô lembra da VIKI, o mega cérebro virtual que comandava os robôs e tomava decisões a favor do homem tirando dele a liberdade por não ser capaz de vivê-la. Todos conhecem os robôs com os quais a ficção científica e as indústrias nos acostumaram. Mas, existem alguns robôs invisíveis que poucos conhecem: aqueles da rede que estudam o nosso comportamento e decidem o que mostrar (podemos ver) para nós.
Os robôs que administram as pesquisas no Google, ou aqueles que determinam as notícias que aparecem no seu Facebook são dois exemplos. Se hoje pesquisamos algo no Google o número de informações que recebemos é realmente muito alto e quando temos muita informação é como não ter nenhuma. Gosto de imaginar que seja este o motivo pelo qual o Google começou a desenvolver robôs que permitissem estudar meu padrão de pesquisa e me oferecer informações “relevantes”. Mas será que os robôs sabem o que é realmente relevante para mim? E quando?
Eli Pariser, diretor executivo da MoveOn.org, uma organização sem fins lucrativos afiliada ao partido democrático americano, tem no seu facebook várias amizades com democráticos e algumas também entre os republicanos.
Eli comenta, em uma palestra do TED (*), que um dia, acessando seu facebook, descobriu que suas amizades republicanas tinham sumido da página. Os robôs as tinham eliminado autonomamente. A primeira impressão é que os robôs tomaram uma decisão sócio-política por conta do Eli.
Mas a verdade é que estes robôs fizeram apenas aquilo pelos quais foram programados: identificar um padrão de uso e priorizar as informações com base neste padrão. Naturalmente os contatos do Eli com os amigos democráticos eram mais frequentes do que aqueles com os amigos republicanos, portanto os robôs eliminaram os contatos menos acessados.
Sempre segundo Eli, também no Google os robôs agem segundo esta lógica. Mesmo que você não esteja “logado” existem bem 57 elementos que eles consideram para determinar o conteúdo da página de busca que vai aparecer, a partir do computador no qual você está, o tipo de navegador que você usa, e até a sua localização.
Isso significa que a busca não é mais padrão, mas segue um padrão que ela decide na base do uso que nós fazemos da rede.
A Internet está nos mostrando aquilo que ela pensa que nós queremos ver, mas não necessariamente o que nos precisamos ver, afirma Eli. Amazom, Google, Facebook, Yahoo news, entre outros, têm robôs em ação para criar estes filtros em volta de cada um de nós. Estes filtros se reagrupam no que Eli chama de Bolha dos filtros, que é pessoal de cada um nós. Representa o nosso padrão de uso da rede, o nosso universo pessoal e único de informações que vivemos na rede e na base do qual os filtros agem.
O que encontramos na nossa bolha depende de quem somos e do que nos fazemos. Se voltarmos a pensar na quantidade de informações na rede e na necessidade de uma seleção delas, a bolha até que faz sentido.
Mas a questão é que não somos nós a decidir o que deve estar na bolha e, mais importante, não temos conhecimento do que fica fora da bolha. Quem decide isso por nós, são os robôs.
O ideal seria que eles nos proporcionassem um correto equilíbrio entre as informações disponíveis. Mas o problema é que a seleção é feita na base do que clicamos por primeiro e isso pode comprometer este equilíbrio.
O sociólogo Manuel Castells no seu livro a “Galáxia da Internet”, evidencia como o grupo de estudantes de pós-graduação da UCLA que nos anos 60 tiveram um papel decisivo no projeto Arpanet, do qual nasceu a Internet que hoje conhecemos, eram impregnados dos valores de liberdade individual, do pensamento independente e da solidariedade e cooperação com seus pares, todos eles valores que caracterizavam a cultura do campus na década de 1960.
Esta cultura foi sempre uma diretriz importante para Internet. A sensação de ter acesso livre e descontrolado a todas as informações postadas na rede é um dos princípios da mesma rede.
A Internet se contrapôs à transmissão controlada de informações da televisão e da imprensa, transformando o espectador passivo em um ator ativo. Permitiu-nos conectarmos uns com os outros criando uma rede que Pierre Levy define maravilhosamente como o conjunto de milhares de pontos de vistas diferentes. Tudo isso com a certeza (e agora talvez apenas ilusão) do poder da escolha.
O que estamos vendo agora é uma passagem da lógica de informação distribuída da televisão e dos jornais à lógica dos algoritmos destes robôs. Com o agravante que estes robôs não possuem os princípios éticos que inspiraram no bem e no mal os mass media tradicionais.
Sabemos o quão importante é a qualidade da informação para um desenvolvimento social democrático e que a diminuição desta qualidade é diretamente ligada à diminuição da nossa liberdade e à caída da democracia.
Precisamos da rede como ela é. Uma conexão infinita entre almas, e não um universo bolha delimitado por robôs.
Precisamos de uma inovação neste sentido. Precisamos de robôs capazes de nos mostrar as regras da filtragem para nós decidirmos quais dos milhares de pontos de vista diferentes que constituem a rede queremos ver.
Outra solução é responder à distribuição horizontal das informações na rede com a criação de pólos verticais de informações administrados por pessoas. Lugares específicos no espaço cibernético onde se encontram informações específicas. Informações selecionadas e publicadas não por robôs na base de uma pesquisa de relevância, mas por pessoas que usam critérios culturais, éticos e profissionais.
Pólos cibernéticos verticais com um capital social que dê crédito às informações publicadas e permita a tranquilidade de uma filtragem efetuada na base de critérios de qualidade da informação, por cibergestores que dominam estas informações.

(*)Giuseppe Mosello é italiano de formação Humanística com foco em Sociologia e Ciência da Comunicação, trabalhou durante 20 anos em empresas de TI na Europa e nos EUA. No Brasil desde 2005, fundou a Learnway e criou a Cidade Virtual: a primeira rede corporativa do Brasil. 


domingo, 8 de janeiro de 2012

A SACOLA DA VOVÓ

Eu e minha mulher constumeiramente vamos ao supermercado fazer compras e não temos o hábito de levar sacolas de casa para acondicionar as mercadorias. Na semana passada, vimos que estavam à venda no estabelecimentos umas sacolas confeccionadas num tecido resistente e nela dizeres em prol da preservação do meio ambiente. Aproveitamos e adquirimos e já trouxemos nela as mercadorias. No mês seguinte pretendemos comprar mais uma.

Todos nós sabemos dos malefícios causados pelas sacolas plásticas. Demoram em torno de 300 anos para se decompor e quando isso ocorre contaminam o lençol freático com as substâncias que a compõem, como por exemplo certo tipo de metal pesado. Sem falar que por ser um material muito fino, dificilmente poderá ser reciclada. É responsável em potencial pelas inundações fazendo páreo com as embalagens pet.

O interessante é que, os embaladores são treinados para colocar cada tipo de  mercadoria numa sacola, então, ao invés de usar duas três sacolas, usam bem mais e chegando ao absurdo de colocar uma escova dentro de uma. Daí a gente trás para casa bastante sacolinhas plásticas que irão servir para por lixo e cujo destino são os aterros sanitários e o que ocorre depois só Deus sabe. Mas sabemos que são centenas de anos para se decomporem.

Combinamos então de deixar aquela sacola e mais uma outra que temos dentro do carro e quando formos ao supermercado já utilizá-las, recusando as plásticas.

Me lembro quando criança, minha vó, quando vinha nos visitar, trazia um montão de coisas. A gente morava na roça e quando aparecia por lá a Dona Sebastiana, levava um armazém inteiro e tudo dentro de uma sacolona que ela tinha. Pão, biscoitos, doces, balas e chicletes, às vezes até roupas e brinquedos para nós.

Cada produto, me lembro bem, vinha embrulhado num papel diferente.
Tinha embalagem parda, sacos em papel marron, também mercadorias embrulhadas em folha de papel rosa(lembram daquelas bobinas que ficavam nos estabelecimentos, aí o comerciante puxava um pedaço e cortava num tipo de régua-guilhotina, o tamanho certo para embrulhar a mercadoria). Tinha coisa que podia ser embrulhado em jornais mesmo, como por exemplo, pedaços de sabão.
Os presentes já vinham num papel fantasia, colorido e mais "sofisticado". Aquilo enchia os olhos. Ah! As bebidas eram em garrafas de vidro. Ela trazia também maçã e guaraná principalmente. Aparecia de vez em quando com algumas latarias.
Olha, a sacola da vovó chegava abarrotada de coisas. Era só alegria.

E depois, a vovó ia embora e enchia a sacola de novo, só que desta vez, levava verduras, legumes, frutas, leite, tudo produzido na fazenda. Aproveitava os embrulhos que havia trazido.

Com isso não se poluia tanto porque o material de que era feito aquelas embalagens não era agressivo ao meio ambiente e de decompuhnam rapidamente.

Então, fazendo isso, embora um pouco tarde, estamos fazendo a nossa parte colaborando para a preservação do meio ambiente.


Reduzir, reutilizar, reciclar e repensar.
Vários países já proibiram o uso de embalagens plásticas. No Brasil algumas cidades já adotaram a iniciativa. Na cidade de São Paulo  já está em vigor a lei 15.374/2011, que proíbe a distribuição gratuita ou venda de sacolas plásticas a consumidores em todos os estabelecimentos comerciais do município. Publicada no DOE (Diário Oficial do Estado) em 19/05, a lei fixa prazo até 31 de dezembro para os estabelecimentos comerciais se adaptarem às novas regras. (Segundo informações, a lei está suspensa. Clique aqui e veja a respeito).

Com a nova lei, comerciantes devem estimular o uso de sacolas reutilizáveis, assim consideradas aquelas que sejam confeccionadas com material resistente e que suportem o acondicionamento e transporte de produtos e mercadorias em geral.

A lei também estabelece que as lojas são obrigadas a afixarem placas informativas, com as dimensões de 40 cm x 40 cm, junto aos locais de embalagem de produtos e caixas registradoras, com o seguinte teor: "POUPE RECURSOS NATURAIS! USE SACOLAS REUTILIZÁVEIS".

Parece que a sacola da vovó está vindo à tona novamente.

"Bença vó, tem doce hoje???"

DE DOMINGO PRÁ SEGUNDA - VAMOS TIRAR O PLANETA DO SUFOCO

Contagem regressiva...

A novidade nos supermercados paulistas está mobilizando toda a sociedade. Um vídeo divulgado nesta quarta-feira (4 de janeiro) contou como os consumidores estão se adaptando à utilização de meios mais sustentáveis de transporte de mercadorias. A partir de 25 de janeiro, o setor substituirá as sacolas descartáveis nas lojas terminando com o hábito de descarte das embalagens.
A maioria opta pelas sacolas reutilizáveis, porém há outras alternativas. As caixas de papelão são úteis para quem vai aos supermercados de carro. Os carrinhos ecológicos ajudam no transporte de itens mais pesados e em grandes deslocamentos. Há, ainda, as sacolas biocompostáveis para quem não se lembrar de trazer as embalagens de casa.
A reportagem visitou supermercados de São Paulo e de Jundiaí, cidade do interior de São Paulo que há mais de um ano não distribui sacolas descartáveis. Embora alguns consumidores ainda tenham dúvidas sobre a iniciativa, os responsáveis pelas lojas contam que a maioria dos clientes aceita a ação e compreende a importância ecológica.



quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

RÁDIO PEGADAS, MAIS CONTEÚDO...CONFIRA...

 RÁDIO
Postagens após 14.11.2011

CANÇÃO DO MUNDO NOVO - Beto Guedes         
EMPTY GARDEN - Elton John        
EMPTY GARDEN - John Mellon         
EU TE ESCOLHI - Nova Dimensão         
HINO DA SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS - Benvenutti         
I DON´T WANNA TALK ABOUT THIS -     Rod Stewart e amy belle    
PORQUE TE AMO - Celso Ricardi        
CARO COME TE - Gigliola Cinqueti        
TE AMO ETERNAMENTE - Celso Ricardi        
CANÇÃO DE NATAL - Gilberto O'Sullivan       
NAPOLI, FORTUNA MIA! - Gigliola Cinquetti        
RANCHO DA PRAÇA XI - Dalva de Oliveira        
LOVE ME OR LEAVE ME ALONE - Dennis Yost
CHILDREN - Paul Denver    
DON'T WANNA LIVE INSIDE MYSELF - Bee Gees
LOVER'S DREAM - Donny Willer    
PEDAÇO DE MAL CAMINHO - Reginaldo Rossi    
CASTELO DE SONHOS - Valter Basso        
O CIGANO - Almir Rogerio    
CONSAGRAÇAO A NOSSA SENHORA APARECIDA - Padre Vítor    
A RECOMPENSA - Reinaldo    
BENÇÃO MILAGROSA - Padre Donizetti
VINHETA CAMPANHA ANTI ÁLCOOL PARA MENORES - Governo de SP
TEMA DA NOVELA BEL AMI 1972 - Tv Tupi    

OUÇA A RÁDIO PEGADAS...
AQUI VOCÊ SE ENCONTRA!
Basta clicar no "play" e escolher uma das opções:
ORIGINAL - obedece a sequência das postagens de 1 a 244
ALEATÓRIO - a rádio escolhe a sequência a tocar
A-Z - toca as músicas em ordem alfabética crescente
Z-A - toca as músicas em ordem alfabética decrescente

Veja aqui o que faz da Rádio Pegadas um motivo de descontração, compromisso com a vida e com o meio ambiente; responsabilidade social, exercendo seu papel de mensageira do bem sem se esconder atrás de qualquer religião ou ideologia manipuladora das mentes menos conscientes, acreditando que não podemos ensinar nada a um homem, apenas ajudá-lo a descobrir a verdade dentro dele mesmo.

Conteúdo anterior:
QUEM ME CHAMOU – Maria Bethania
THATS MY NAME - Akcent
CRITICA – Ciro Aguiar
DON'T LOOK BACK  - The Korgis
O HOMEM – Roberto Carlos
RAILROAD – Bee Gees
SONHOS - Peninha
CUT THE CAKE- Jeff Golub
QUERO VOLTAR PRÁ BAHIA – Paulo Diniz
VINHETA 4
AGUA VIVA – Raul Seixas
ONE DAY IN YOUR LIFE – Michael Jackson
NÃO MATE A CRIANÇA NÃO...ELA NÃO ... Gera Vida
TEMA BONANZA – Tradicional
O VENTO E A CANÇÃO  - Reinaldo
PEGADAS DO COTIDIANO
VINHETA PERSONALIZADA 4
RETRATO DO SERTÃO – Geraldo Meirelles
ADORAÇÃO 2
ADORAÇÃO 4
VITÓRIA BONELLI  - Tema da Novela TV Tupi
LOVELY DAY – Bee Gees
O AMOR É VERDE – Moacir Franco
SPOT BANHO
VINHETA PERSONALIZADA 1
APENAS UM RAPAZ LATINO AMERICANO  - Belchior
BROTHER SUN AND SISTER MOON - Donovan
SE EU PUDESSE CONVERSAR COM DEUS – Antonio Marcos
DIA DE FORMATURA – Nalva Aguiar
TIVE A CHANCE DE NASCER – Jac Melo
HINO AO RIO PARDO – Márcia Tauil
THE WINNER TAKES IT ALL - Abba
MEDO DE AVIÃO - Belchior
HINO DE MOCOCA – Márcio Tauil
SÓ PRA MIM - Joelma
NÃO DEIXE O SAMBA MORRER - Alcione
PRECISO DESSE AMOR – Raça Negra
BANDA DA ILUSÃO – Ronnie Von
ADORAÇÃO 4
TESTEMUNHO - Florízia
TUDO PORQUE EU TE AMO – Casa das Máquinas
ROSA DE HIROSHIMA – Secos e Molhados
O PRATO DO INOCENTE – Gera Vida
AMIGOS PELA FÉ – Anjos de Resgate
SPOT POLUIÇÃO
UMA PAIXÃO, UM DESCUIDO, UMA GRAVIDEZ... – Gera Vida
O EFEITO DO FUMO SOBRE A DESCENDÊNCIA – Gera Vida
VERDADES QUE ENTRISTECEM – Gera Vida
ADORAÇÃO 4
ADORAÇÃO 1
BABY WHAT A BIG SURPRISE - Chicado
FEELINGS – Morris Albert
DOIS CAMINHOS - Melo
FIRST OF MAY – Bee Gees
QUEM SABE? – Agnaldo Timóteo
ECLESIÁSTICO 17 - Melo
ADORAÇÃO 4
EU SOU CATADOR
SE EU PUDESSE – Lindomar Castilho
TRAGEDY – Bee Gees
EVERYTHING I DO – Brian Adams
NINGUÉM PODE ENTENDER – Cléo Galante
IN THE END – Bee Gees
SUGAR BABY LOVE – The Rubettes
JORNAL DO MEIO DIA
TRAFALGAR – Bee Gees
ANDANTE, ANDANTE - Abba
IF I HAD YOU – The Korgs
ABORTO PORQUÊ? – Gera Vida
JESUS REI – Autor Desconhecido
DOAÇAO DE ÓRGÃOS
MARAVILHA – Raça Negra
VOU MORAR NO AR – Casa das Máquinas
VOCÊ JÁ ABRAÇOU SEU FILHO HOJE? – Gilberto Barros
MARIA - Melo
NEED YOU NOW – Lady Antebellum
HINO NACIONAL BRASILEIRO – Marchas Militares
FLORES E MORTAS – Lenno e Lilyan
PAPAI DO CÉU – Gera Vida
HINO A SÃO CRISTÓVÃO - Paulus
AINDA QUEIMA A ESPERANÇA - Diana
CADÊ VOCÊ – Moacir Franco
MEU GÁS ACABOU – Luiz Américo
PEGA E TOCA.MP3
ADORAÇÃO 4
ADORAÇÃO 1
FAMILIAS DO BRASIL – Pe. Zezinho
A CARTA – Erasmo Carlos
VINHETA 3
AMOR VERDADEIRO – Jac Melo
DESCANSAR E VER - VERSÃO ECUMÊNICA - Melo
F...COMME FEMME - Adamo
MULHER BRASILEIRA – Benito Di Paula
DESCANSAR E VER - VERSÃO CATÓLICA - Melo
MAN IN THE MIDDLE(O HOMEM DO MEIO) – Bee Gees
DIÁRIO DE UMA MENINA ABORTADA – Gera Vida
VINHETA PERSONALIZADA 2
SOPRO DE VIDA – Pe. Agnaldo José
DANCING QUEEN - Abba
TENDERNESS - Brothers
QUANDO FUI FERIDO – Guilherme Arantes
LADY, MY SWEET LADY – John Denver
SENTADO À BEIRA DO CAMINHO – Erasmo Carlos
A FAMÍLIA É UM TESOURO - Melo
HINO À NOSSA SENHORA DO DESTERRO – Marcelo Campos
SPOT MADEIRA LEGAL
SUNSHINE ON MY SHOULDERS – John Denver
THE SHOW MUST GO ON – The Pink Floyd
ESTRADA NOVA – Oswaldo Montenegro
ADORAÇÃO 1
O DIVÃ – Roberto Carlos
BLOG QUE ENCARNA.MP3
ADORAÇÃO 1
EU NÃO ACEITO O TEU ADEUS – Renato e seus blue caps
I STARTED A JOKE – Bee Gees
ORAÇÃO PELA FAMÍLIA – Pe. Zezinho
AMO MEU PAÍS – Carlos Salvador
MEUS PAIS – Gera Vida
SHE MADE ME CRY - Pholhas
SE AS FLORES PUDESSEM FALAR – Nelson Ned
PALAVRAS DE QUEM VAI SER ABORTADA – Gera Vida
ADORAÇÃO 3
MISSÃO – Gera Vida
SWAN SONG – Bee Gees
DONT'T WORRY BABY – The Beach Boys
THE SINGER SANG HIS SONG – Bee Gees
CHARLIE BROWN – Benito Di Paula
MISTER MAGIC – Jeff Golub
VINHETA 2
COISAS DO CORAÇÃO - Toquinho
PAVAO MISTERIOSO - Edinardo
PERTINHO DE VOCÊ - Elisângela
MEU VELHO PAI – Carmen Silva
NON HO L'ETA – Gigliola Cinqueti
ADORAÇÃO 4
TEMA DA VITÓRIA – Rede Globo
AMOR VERDADEIRO – Jac Melo
ADORAÇÃO 4
HINO AO RIO PARDO – Régis e Raí
VINHETA PERSONALIZADA 5
CAMINHOS DE SOL – Zizi Possi
PASSION LOVE THEME – The Eletric Orquestra
DONA – Roupa Nova
ADORAÇÃO 4
EU SOU EU - Melo
STARLIGHT – Bee Gees
INFINITO...ALIANÇA DO DEPOIS - Melo
I DO, I DO, I DO, I DO, I DO - Abba
FLOWING RIVERS – Bee Gees
ESTOU A PORTA E PEÇO ENTRADA – Pe. Fábio de Melo
ANGELICA AND RAMONE – Secret Service
DONT WORRY BABY – B. J. Thomaz
SANTA LUZIA - Melo
FOI DEUS QUE FEZ VOCÊ - Amelinha
BOM JOSÉ – Nalva Aguiar
UNA LAGRIMA SUL VISO – Nicola Di Bari
MAGIC – Selena Gomez
TIME – Alan Parso’n Project
ADORAÇÃO 1
O DIVÃ – Roberto Carlos
HINO À BANDEIRA – Marchas Militares
ADORAÇÃO 1
IS THAT THE WAY – Tin Tin
QUANTAS LÁGRIMAS – Cristina Buarque de Holanda
TRAFALGAR – Bee Gees
ADORAÇÃO 1
VINDE BENDITO SENHOR - Melo
TRY AGAIN - Keane
MINHA IRMÃ MULHER - Melo
VINHETA PERSONALIZADA 3
VOCÊ ESTÁ OUVINDO A RÁDIO PEGADAS
WILDFLOWER – Bee Gees
OH SUSIE – The Secret Service
BRIGAR COM DEUS – Pe. Zezinho
VINHETA 1
HOLD HER IN YOUR HAND – Bee Gees
MISSISSIPI – Pussycat
PAI – Fábio Júnior
GOSTAVA TANTO DE VOCÊ – Tim Maia
ADORAÇÃO 1
MARIA EVANGELIZANDORA – Jac Melo
CRIANÇA ESPECIAL – Ana Amélia
DE DOMINGO PRA SEGUNDA.MP3
MEU FILHO, DEUS QUE LHE PROTEJA – Paulo Sérgio e filho
TERRA, EXULTA DE ALEGRIA - Paulus
TODA PALAVRA - Reinaldo
SPOOKY – Jef Golub
MANHÃS DE SETEMBRO - Vanusa
SUS
SPOT MENINA
LOST IN LOVE – Air Suply
GIVE PEACE A CHANCE – John Lennon
MOTHER – John Lennon
MIND GAMES – John Lennon
WOMAN – John Lennon
HAPPY XMAS (WAR IS OVER)
IMAGINE – John Lennon
IMAGINE – John Mellon
DEUS ABENÇOE AS CRIANÇAS – Nelson Ned
CANÇÃO DA CRIANÇA - Carequinha
O BOM MENINO - Carequinha
AO MESTRE COM CARINHO – Lulu e MindBerdes
THE LAST SONG – Elton John
SHE'S OUT OF MY LIFE – Micheal Jackson 
BEN – Michael Jackson
IF I HAD YOU – The Korgs
WORDS, DON'T CAME EASY - F.R. David